A primeira heroína da Marvel a ganhar um filme de origem já estava sendo muito comentada mesmo antes do longa ser lançado. Entre críticas negativas, principalmente de pessoas que nem tinham visto o filme no Rotten Tomatoes (isso mesmo que você leu), Capitã Marvel veio para trazer mais conteúdo de qualidade para o MCU.

Vers, uma integrante da tropa Kree, é capturada em uma emboscada feita por Skrulls. Eles mexem em sua mente, procurando por uma pessoa no passado de Vers, mas a própria protagonista não se lembra do seu passado. Para escapar dos Skrulls, Vers acaba caindo na Terra e aproveita a oportunidade para entender o que está acontecendo e descobrir o seu passado.

Esta crítica não possui spoilers e é baseada apenas no filme, não nos quadrinhos.

Capitã Marvel é um dos melhores filmes de origem do MCU até agora. Não se deixem enganar por comentários de ódio, o longa entrega tudo que uma história de origem de super-herói precisa.

O passo do roteiro é muito bom, conseguindo mostrar toda a jornada de descoberta de Carol, o nome real da Capitã Marvel. Não é só uma busca pelas suas memórias, mas também para saber quem ela é, como ela se encaixa no mundo, como lidar com a expectativa que as pessoas têm dela e o que ela realmente quer. Não há furos que deixem o espectador perdido no que está acontecendo. No começo, em um momento ou outro, eu senti um ritmo mais acelerado do que o necessário, mas que se ajeita e não atrapalha o andar da história.

Carol tem um senso de humor sarcástico e debochado, como já vimos em outros personagens da Marvel, no Homem de Ferro e Doutor Estranho, por exemplo. Mas ela não é o mesmo personagem que eles, até porque poucas vezes temos a chance de ver uma protagonista feminina com um senso de humor como o dela. Carol enfrenta vários desafios e precisa encarar fatos na sua vida, que ela tinha como certos, mas na verdade se mostraram algo inesperado.

Resultado de imagem para captain marvel movie

Por um lado, a mensagem no arco de construção da personagem lembra a de Batman Begins. É sobre se erguer, mesmo quando as pessoas não acreditam, mesmo quando você já caiu inúmeras vezes. Mas em Capitã Marvel, há a diferença de vermos isso em uma personagem mulher que não se encaixa nos padrões da feminilidade. Brie Larsson está fisicamente dentro do padrão, mas vemos que Carol tem interesses considerados “para homens” e como, em vários momentos do filme, ela passa por situações em que querem “colocá-la em seu lugar”.

As cenas de ação são muito divertidas, misturando as lutas com comédia da forma que a Marvel sabe fazer. Se vocês já leram outras críticas minhas da Marvel, sabem que eu tenho algum problema com o quanto de comédia os filmes têm, mas não é um defeito. E o longa tem bastante ação e cenas épicas que vão agradar os fãs de super-heróis, basta eles se permitirem a ver uma mulher como protagonista.

Os outros personagens do filme também chamam a atenção, como o próprio Nick Fury e Maria Rambeau. Os Skrulls não são apenas personagens de fundo que precisam ser derrotados, eles também são apresentados como personagens que têm suas motivações explicadas e desenvolvidas. Assim como é o caso das tropas Kree.

Resultado de imagem para captain marvel movie

A história toma algumas liberdades em comparação ao quadrinho, que honestamente não fazem qualquer diferença para quem está assistindo. É compreensível que algumas pessoas estranhem as mudanças, mas pensando no universo MCU, a história apresentada encaixa muito bem. É o que dizemos, se queremos ver algo exatamente igual ao quadrinho, basta ler o que já foi publicado. Não tem porque uma adaptação seguir a risca tudo que acontece no material original.

Além do desenvolvimento da personagem, é muito bom ver um filme com uma protagonista feminina que tem o direito de ser engraçada, sofrer, ter amizades relevantes e salvar o mundo como uma das heroínas mais poderosas daquele universo. Ainda mais porque a história de Carol não seja apagada por um homem como interesse romântico. Ela não é um estereótipo, é uma personagem complexa com a chance de ser vista de várias formas. Mais importante ainda, é mostrada de forma que podemos nos relacionar com as suas questões.

Resultado de imagem para captain marvel movie

Capitã Marvel traz mensagens muito importantes sobre conflitos e a posição das mulheres na sociedade, e isso também é importante para tornar o filme uma das melhores origens do MCU. E tecnicamente o filme não deixa a desejar. Eu, particularmente, não gosto de algumas situações como a trilha sonora é usada, mas perto de tudo que o filme estava me entregando, eram apenas detalhes.

Este novo filme também coloca todo o momento atual do MCU em uma nova perspectiva, afinal nós sabemos bem o que aconteceu depois de Guerra Infinita. Capitã Marvel chega na hora certa e será uma boa adição, não só para o universo como um todo, mas também para a luta que os Vingadores precisarão enfrentar.

Ao contrário do que estão dizendo, Capitã Marvel não é mediano, muito menos ruim. É um filme redondo, que entrega o que se propõe de uma maneira divertida, com personagens complexos e uma jornada que vai significar muito para quem se identificar. Ainda mais para as mulheres, que dificilmente têm a chance de se verem representadas, em um universo com tantos heróis masculinos.