Ah, o primeiro feriado pós-eleições. Talvez o primeiro tempinho que você vai poder tirar pra ficar realmente de boa, deitar nos sofá e não fazer nada além de relaxar. Sabe o que cai muito bem com sofá e descanso? Um dorama levinho, feito pra deixar você tranquilinha e dar umas boas risadas.

Pensando em quem quer um momento de conforto e paz, separei três kdramas que caem como uma luva nesse feriado.

2. The House Helper / O Seu Ajudante de Casa

Im Da-Young é uma funcionária temporária em uma agência publicitária. Seu pai, sua única família próxima, faleceu de surpresa e dívidas acabaram acumulando. Da-Young vive na casa de seu pai, em meio à bagunça de lembranças que ela não consegue desapegar.

Kim Ji-Woon é um ajudante de casa (honestamente, é tipo uma empregada doméstica só que é um homem então tem outro nome). Ele trabalha apenas para os clientes que ele escolhe, e sempre pensando em tornar a vida do cliente mais fácil e agradável.

Kim Ji-Won começa a trabalhar na casa de Im Da-Young. Quando Im Da-Young decide alugar os outros quartos da casa para ajudar a pagar a dívida, o destino acaba a trazendo pra perto de três amigas dos tempos do colégio.

A série aborda temas talvez não tão leves, como machismo e assédio sexual, e eu não vou dizer que ele lida maravilhosamente bem com todos esses temas – mas os faz com delicadeza e apontando diversos problemas que normalmente são deixados de lado quando dramas falam sobre esses assuntos.

Mas essa é aquela série que eu ficava doida esperando chegar o dia de assistir, porque era a certeza de uma horinha de relaxamento e conforto. Recomendo demais por um monte de razões, mas também porque mostra um tipo de masculinidade bem positiva e não-tóxica. E a amizade entre as meninas é complexa e muito bem construída.

Your House Helper está disponível no Viki.  

1. Suspicious Partner / Love in Trouble

Eun Bong Hee é uma estagiária de direito que namora o filho de um importante promotor. Ela vem de uma família pobre e sonha em se tornar promotora, por isso consegue estagiar na promotoria em Seoul. A vida dela vira de pernas para o ar quando ela é acusada de matar o ex-namorado, o filho de um importante promotor.

Noh Ji Wook é um jovem e obstinado promotor. Ele é conhecido por não ser o melhor promotor do distritito porque demora tempo demais para resolver os casos que passam por ele. Apesar da reputação não muito boa, seus colegas de trabalho o respeitam. Bong Hee se torna estagiária de Ji Wook.

Mas o destino dos dois se entrelaça antes mesmo dela começar o estágio, e fica ainda mais bagunçado quando Bong Hee é acusada de assassinato e Ji Wook é o promotor que deve investigá-la.

Se você está se perguntando “Mas Rebeca, você disse que era pra ficar de boa no sofá, e me manda uma trama de assassinato?” Vai por mim, Suspicious Partner é divertidíssimo, fofo, com discussões muito bacanas e com o casal principal cheio de química. A trama, apesar de complexa, não dá um duplo twist carpado como acontece bastante em doramas investigativos, e entrega momentos divertidos, tristes e reconfortantes.

Além disso, Bong Hee é uma personagem feminina maravilhosa e com uma visão de vida muito bacana que consegue transparecer nas decisões nem sempre acertadas da personagem. Só ela, sozinha, já vale o dorama.

Suspicious Partner está disponível no Viki.