A internet foi à loucura com as imagens da nova versão da She-ra, personagem oitentista que ganhou nova vida nas mãos da incrível Noelle Stevenson em uma série da Netflix em parceria com a Dreamworks.

Obviamente, porque tudo que envolve qualquer minoria e cultura pop, tivemos a horda de adultos que se sentiram ultrajados e excluídos por uma animação voltada para o público infantil. Como assim, She-ra está de bermudas? Como assim ela não é a encarnação da beleza de uma guerreira grega com a qual os homens, que quando crianças deviam xingar She-ra e se recusar a assistí-la, não vão poder saciar a sua punheta pubescente e, francamente, nojenta, com o novo design?

Pois bem. Tão obviamente quanto o ódio, veio o amor incondicional pelo novo design, principalmente através de diversas fanarts feitas por fãs e artistas que amaram o novo desenho. E eu estou aqui pra exaltar a maravilhosidade que é essa She-ra.

PELOS PODERES DE GREYSKULL… EU SOU SHE-RA!!!!