Forgotten Realms e Magic: The Gathering é o crossover que a Wizards demorou para fazer, mas finalmente chegou! Dia 23 de julho é o lançamento oficial da nova coleção de Magic, baseada em um dos maiores RPGs do mundo: Dungeons and Dragons.

Como é de costume, cada coleção nova de Magic busca trazer inovações e mecânicas que façam o jogador mergulhar no novo plano. Com Forgotten Realms não seria diferente, mas sendo uma coleção de um RPG tão popular pelo mundo todo, a Wizards tinha o desafio de trazer elementos que aproximassem o jogador de D&D. Depois de ver os spoilers e as novas mecânicas, dá para ver muitas novidades neste sentido.

Personagens

Era impossível fazer uma coleção de D&D sem trazer alguns personagens marcantes do RPG. Existem muitos personagens que os fãs de D&D gostariam de ver em Magic, e nem todos ganharam um lugar na coleção, mas com certeza tem algumas cartas que foram destaque.

Tiamat | Busca de Cards | LigaMagic Lolth, Rainha Aranha / Lolth, Spider Queen | Busca de Cards | LigaMagic Drizzt Do'Urden | Busca de Cards | LigaMagic

Tiamat, como muitos dos maiores dragões de MTG, é uma carta com várias cores. Nesse caso, todas, que casa muito bem com as várias cabeças e habilidades de Tiamat. Como Dragão Deus, também é muito apropriado que a carta te permita trazer outros dragões de seu deck.

Lolth é uma carta de planinauta preta, com uma mecânica de ganhar lealdade muito interessante. Como muitas cartas pretas, ela funciona a partir de sacrifícios e jogando criaturas no cemitério. Mana preta é uma que não precisa necessariamente bater para tirar pontos de vida do adversário, entre outras coisas.

O tão esperado Drizzt causou alguma confusão com sua combinação de cores, mas depois de ver a coleção, dá para entender a escolha. Que ele seria verde, todo mundo já imaginava. Branco, mesmo sem ser óbvio, na verdade combina com a história de Drizzt e com a habilidade de “golpe duplo”, que vemos muito na mana branca.

Além de personagens com nome, há outras criaturas clássicas de D&D na coleção, como dragões, demilich, draider, entre outros.

Dragão de Ouro Adulto Demilich Draider Cubo Gelatinoso Xanathar, Chefão da GuildaMinsc, Guardião Adorado

Rolar Dados

Não dá pra falar em jogar D&D sem pensar em rolar dados. Magic já é um jogo que tem dados, seja para contar a vida do jogador, para marcar as mudanças de pontos nos planinautas ou cartas que exigem marcadores. Mas a Wizards trouxe várias cartas que trazem uma mecânica específica de rolar dado.

Algumas cartas possuem resultados diferentes dependendo do número que você tirar no dado. Como acontece no sistema D&D, a rolagem exige um d20. Quanto mais perto do 20, melhor é o seu resultado. Inclusive, em algumas dessas cartas, rolar 1 significa que o jogador que sofre consequências. Pelo que deu para perceber pelos spoilers até agora, a maioria dessas cartas são de mana azul e vermelha, mas aparecem em outras também, inclusive nas cartas incolores.

Abaixo, seguem algumas cartas que funcionam nessa lógica:

Contato Extraplanar Arauto de Hadar Delina, Maga Selvagem Baú de Tesouro   Poder de Persuasão Bola de Fogo de Farideh

Classes

Uma das coisas mais básicas de montar um personagem em D&D, e vários outros RPGs, é escolher a classe do seu personagem. Nós já vimos Magic incluir sistema de party em suas cartas e há várias criaturas que são ladinos, magos, guerreiros, etc.

Com Forgotten Realms, a Wizards trouxe cartas de classes. Elas são encantamentos e funcionam parecido com as Sagas de Theros. Assim que elas entram em campo, elas já tem habilidades específicas, mas a medida que você vai “subindo de nível”, você consegue habilidades novas.

O mais divertido é que as classes possuem características que tem tudo a ver com o que elas fazem em D&D. Por exemplo:

  • Clérigo: Possui habilidades de ganhar mais vida e trazer cartas de volta do cemitério.
  • Bárbaro: Aumenta os pontos de uma criatura e dá habilidades como ímpeto.
  • Druida: Permite que o jogador desça terrenos a mais em seu turno.
  • Feiticeiro: Aumenta o potencial das instantâneas e feitiços do jogador.

Mesmo as que não conversam tanto com as habilidades da classe no RPG ainda são muito úteis. Ladino e Monge, por exemplo, podem dar muitos benefícios para um deck com o qual elas tenham sinergia.

Classe: Bardo Classe: Bruxo Classe: Ladino

Classe: Guardião Classe: Druida Classe: Clérigo

Decisões

O combate é um dos aspectos mais memoráveis de D&D e do Magic também. Afinal, quando estamos jogando, pelo lore nós somos planinautas que invocamos magias para derrotar nosso adversário.

Tomar decisões é algo que não aparece apenas na interpretação do RPG. Como você luta, assim como você monta seu deck de Magic, é composto por várias escolhas. Elas podem ser feitas baseadas no melhor desempenho ou no que é mais divertido para o lore da sua experiência.

Já faz um tempo que Magic possui algumas cartas que você pode escolher o resultado. Cartas como “Ajudar os Caídos”, feitiço de A Guerra da Centelha, oferece dois efeitos diferentes. O jogador precisa escolher um deles quando coloca a carta em campo. Há cartas nesse estilo em Forgotten Realms, mas o texto é muito mais parecido com situações de RPG. O nome da carta é uma situação específica, as opções de solução no texto da carta resultam em efeitos específicos.

A maioria dessas cartas são mágicas instantâneas, mas também vimos spoilers de alguns feitiços nesse formato. Você pode ver alguns exemplos abaixo:

Vocês São Emboscados na Estrada Vocês Chegam a um Rio Vocês Encontram Alguns Prisioneiros Vocês se Encontram numa Taverna Vocês Encontram o Covil do Vilão Vocês Veem Dois Goblins

Dungeons

As dungeons são uma das minhas novidades preferida de Forgotten Realms. Não é um encantamento como as classes, nem um token específico. É um tipo específico de carta nova, que é uma dungeon. Afinal, se tem dragões, também tem que ter masmorras, né?

Algumas cartas, como as que coloquei abaixo, fazem com que você possa “entrar na dungeon“. Nesse momento, você pega uma dessas cartas e começa a sua aventura.

Tocha do Espeleólogo Barrar o Portal Reversão das Parcas

Quando você usa uma carta com “Aventure-se na masmorra”, você pode entrar em uma nova dungeon, ou avançar o seu caminho através de uma delas. Cada etapa causa um efeito no jogo, que vai de ganhar ponto de vida até criar uma ficha de criatura lendária.

Masmorra do Mago Louco Mina Perdida de Fandelver Tumba da Aniquilação

 

Como dito no começo do texto, Forgotten Realms estreia oficialmente dia 23 de julho. Você pode comprar o bundle, pre-release, booster e vários outros produtos pelas lojas ao redor do país!

Sobre o Autor

Escritora, roteirista, poledancer nas horas vagas. Determination ♡

Visualizar Artigos