Este é para quem já viu o novo filme da franquia Tomb Raider. Assim como os jogos, no cinema a Lara Croft também está ganhando um novo começo para a sua saga. Não que Lara precise da ajuda de ninguém para chutar todas as bundas, mas o ship nunca para. Não preciso nem dizer que esse texto tem spoilers do filme, né?

Eu sei que esse ship não teve muito tempo de tela, mas se você fareja ship que nem eu, você sentiu a possibilidade quando assistiu o filme. Nesta nova história, Lara Croft vai atrás de seu pai. Todos estão dizendo que ele está morto, mas Lara acredita que ainda pode encontrá-lo com vida. Para começar a sua jornada, ela vai para a China procurando o homem que levou seu pai para uma ilha onde ele foi visto pela última vez. Este homem também nunca mais voltou, mas seu filho, Lu Ren, está na região e com um barco disponível.

Lara e Lu Ren juntam forças para ir até a ilha. Os dois não sabem bem o que eles vão encontrar. Lu Ren sabe que vai ser um caminho perigoso, mas eles decidem ir mesmo assim. A sequência que mostra os dias no barco não é longa, apesar da viagem aparentemente ter demorado algum tempo. Enquanto Lara está focada em entender os enigmas de seu pai, Lu Ren parece estar gostando cada vez mais dela.

Ela também gosta da companhia. Eles conversam, se dão bem e, melhor do que ninguém, entendem a dor que o outro tem sobre o sumiço dos pais. Quando o barco naufraga nos recifes da ilha, eles se separam. Enquanto Lara consegue fugir das mãos de seus inimigos e começa a vasculhar a ilha, Lu Ren fica preso com os outros que estão sendo forçados a trabalhar para Vogel.

A partir daí, eles não têm muito mais interação. Os dois só vão se encontrar depois quando Lara invade o acampamento de Vogel, já caminhando para o final do filme. Ela quer o resgate para saírem da ilha, mas também precisa liberar todos que estão presos ali. Lu Ren decide ajudá-la, guiando os prisioneiros enquanto Lara vai atrás de seu pai. Vogel força os Croft a abrirem a tumba. O mais sensato seria que os prisioneiros continuassem fugindo, mas Lu Ren quer esperar por Lara, porque não quer deixá-la para trás na ilha.

Eu sei o que vocês podem estar pensando. Eu entendo que há poucas interações, sem contar qualquer prova que os dois personagens de fato tinham algum interesse romântico. Mas parte de shipar personagens é torcer por um casal que nem sempre parece fazer muito sentido. E eu adoraria que em um próximo filme eles voltassem a se encontrar. Entendo que nesse, o foco de Lara era achar o pai e descobrir o que está acontecendo, mas em um próximo, vai que?

Ao contrário do que algumas pessoas disseram, Lara Croft não precisa de ajuda o tempo todo para realizar as suas missões. Sim, de vez em quando ela precisa de ajuda, mas isso faz parte do gênero de ação e aventura, ainda mais quando envolve um grupo de pessoas invadindo uma tumba com uma suposta maldição. Não há nada de errado em ela não fazer tudo 100% sozinha.

O filme poderia ter diminuído o brilho de Lara ao redor de outros personagens homens, incluindo Lu Ren, o que faria a possibilidade do ship perder parte da graça. Mas não, eles se ajudam, se importam, ou ao menos o máximo que eles podem, considerando que não se conhecem a tanto tempo. E as cenas entre os dois eram muito divertidas, não só por eles entenderem a dor do outro, mas o jeito de lidar e de se virar para sair de uma situação que pode ficar pior.

O que eu posso fazer? Nas cenas do barco eu vi a possibilidade do ship, e por que não? Obviamente uma heroína não precisa de um homem para salvar o dia, ainda mais Lara que sabe se virar em várias situações. Mas né, nós gostamos (ao menos eu) de um romance de vez em quando, e eu particularmente me divirto quando eles aparecem de forma meio inesperada. Eu não achei que fosse me importar com Lara e Lu Ren, mas aqui estou eu, esperando que eles tenham mais interações em um próximo filme. Não sei se há algo parecido nos jogos novos, que não conheço, mas a esperança do ship sempre existe, né?